Jovens e tecnologia

Audiências dos 12 aos 18 anos no contexto da convergência dos media em Portugal: emergência de uma cultura participativa?

Tese de Doutoramento, Célia Quico

De acordo com o IOL DIÁRIO “Os jovens portugueses passam mais tempo à frente de um monitor de computador do que da televisão durante os seus tempos livres. Esta é uma das conclusões de um trabalho realizado por uma investigadora da Universidade Nova, que faz manchete esta quinta-feira no jornal Público. Célia Quito chegou ainda à conclusão que o uso da televisão também não é uma actividade feita de forma exclusiva, já que os jovens se desdobram em outras actividades, como navegar na Internet e ouvir música. E também não é totalmente passiva, com 25 por cento dos inquirido a afirmar ter realizado uma chamada telefónica para um programa e 35 por cento a apontar que realizou pesquisas na Web sobre o que viu na televisão ou sobre um canal de TV. (…) «Os jovens usam estes meios como forma de potenciar a sociabilidade. O uso da tecnologia não vai isolá-los», refere Célia Quico, citada pelo jornal. O Público frisa ainda que neste estudo o telemóvel é apontado como a tecnologia que os jovens sentiriam mais falta, seguida da Internet e da televisão. Dos inquiridos, 45 por cento disse que costuma enviar mensagens de vídeo pelo menos três vezes por semana e 20 por cento usa o telemóvel para aceder à Internet.” [LER ]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s