TSF online lidera

A notícia é do Briefing e revela que “a TSF online foi o site de rádio que registou mais visitantes durante o ano de 2007, (…) segundo o estudo Netpanel divulgado (…) pela Marktest. A edição da rádio TSF na Internet liderou a tabela de utilizadores únicos com 611 mil visitantes, tendo a RFM ficado em segundo lugar, com 489 mil utilizadores, e a Cotonete em terceiro lugar, com 429 mil utilizadores. Em termos de número de páginas visitadas, a RFM lidera a lista com cerca de 14 milhões de páginas visualizadas durante 2007. Em segundo lugar na lista de páginas visitadas aparece a Cidade FM com cerca de 13 milhões de páginas e, em terceiro, a Rádio Comercial com cerca de 9 milhões de páginas visitadas.

(…) O mesmo estudo adianta que cerca de 1,6 milhões de internautas portugueses navegaram em sites de rádio o que significa que mais de metade dos utilizadores de Internet acedeu a sites de rádio. O estudo da Marktest refere que, durante o ano passado, 1592 mil com mais de 4 anos e residentes em Portugal continental acederam a sites de rádio a partir de casa, o que corresponde a 52,7 por cento dos cibernautas nacionais”. [ler]

3 comments
  1. francisco said:

    alguem sabe como ouvir a tsf via iphone?
    obrigado

    • Paula Cordeiro said:

      Pelo que li, deverá fazer o download de um aplicativo para ouvir rádio via web. Não sei se também se aplica a rádios portuguesas. A notícia falava da CBS e da Yahoo!

  2. Sandro said:

    Tambem gostava de poder aceder a tsf pelo iPhone tenho o programa ” radio” mas a tsf nao faz parte dele : (

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s