Os últimos… Serão os primeiros

A propósito do estudo da Nielsen recentemente apresentado sobre tendências de compra online e que a Briefing refere numa notícia [ler], parece-me que, uma vez mais, há aspectos da vida online que a rádio está a menosprezar, nomeadamente o pontencial que existe numa ligação entre a indústria musical e a rádio. Em comparação com os europeus, os portugueses são mais influenciados pela publicidade online, influenciando a escolha do site onde efectuam as compras. O estudo revela ainda, de acordo com a Briefing que, apesar de sermos dos países com menor taxa de compras online (muito atrás da Alemanha e Reino Unido, com 97% e Áustria, com 96%), temos o hábito de fazer consultas de mercado online, recolhendo informação para futuras compras. Donde, o investimento publicitário online pode ser uma forma de estimular as vendas online, especialmente nas áreas que já revelam uma forte dinâmica, como sejam a cultura e as viagens. Associar a publicidade, a promoção e os passatempos da rádio em FM à publicidade online poderá ser um caminho, da mesma forma que parcerias entre estações de rádio e outras empresas pode relacionar mais a estação e os hábitos de consumo, estimulando a escuta da estação, da mesma forma que providencia um serviço adicional aos seus ouvintes.

Globalmente, o estudo refere que 85% da população mundial com acesso à internet já a utilizou para fazer compras online, um aumento considerável em relação aos últimos dados, referentes a 2006, onde esta tendência representava 40%.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s